Black Friday 2017 – todos os descontos em um só lugar!

Aproveite agora e visite o Picodi todos os dias. Compartilhamos ofertas novasdiariamente o ano todo!

load more
cupom de desconto Motorola

30%

  • 867 pessoas aproveitaram

  • Acaba em breve
cupom de desconto iCabelos
Exclusivos

12%

  • 2015 pessoas aproveitaram

  • Acaba em breve
cupom de desconto Ateen

15%

  • 58 pessoas aproveitaram

  • Acaba em breve
cupom de desconto Casa e Video
Exclusivos

10%

  • 769 pessoas aproveitaram

  • Acaba em breve
cupom de desconto Phooto

68%

  • 168 pessoas aproveitaram

  • Acaba em breve
cupom de desconto Saraiva
Exclusivos

20%

  • 285 pessoas aproveitaram

  • Acaba em breve
cupom de desconto Centauro
Exclusivos

16%

  • 479 pessoas aproveitaram

  • Acaba em breve
cupom de desconto Cantão

40%

  • 90 pessoas aproveitaram

  • Acaba em breve

Black Friday ao redor do mundo

A Black Friday em 2017 ultrapassou as expectativas! No dia 24 de novembro de 2017 o volume de consumidores cresceu 624% no mundo todo em comparação com um dia comum. O crescimento do ano passado foi 619%. Os usuários mais ativos foram do Paquistão, onde o crescimento do número das transações foi 11.525%. Vale a pena mencionar o crescimento do mercado Húngaro (9.750%), Italiano (4.516%) e Grego (2.600%).

Black Friday 2017 Around the World

Os clientes Brasileiros também compraram com maior intensidade. O número de vendas cresceu 1094% durante a Black Friday 2017. É ainda maior do que em 2016 quando as vendas cresceram 835%.

Black Friday 2017 Brasil

Um carrinho médio de compras por usuário foi de R$630. Comparando com o ano passado é R$10 a mais. O desconto percentual médio durante a Black Friday foi 57%. Os consumidores conseguiram economizar R$513. Por isto os clientes Brasileiros conseguiram economizar com o Picodi R$59,944,178.

Neste ano as categorias mais populares foram Moda, Eletrônicos e Cosméticos. As lojas mais populares neste ano foram: Saraiva, Dafiti e Casas Bahia. Os dispositivos mais utilizados para as compras online no Brasil foram computadores e notebooks (53%). Nas compras da Black Friday 46% dos clientes preferiram usar smartphones e somente 1% tablets. Os restaurantes também participaram da Black Friday 2017. Neste ano McDonald’s e Burger King ofereciam refill de batatas fritas.

Metodologia

Para a elaboração deste relatório analisamos os nossos dados internos sobre tráfego e transações comerciais de outubro com foco especial na Black Friday. Esses dados abrangem todos os países onde o Picodi está em atividade oferecendo descontos aos seus usuários.

Política de uso aceitável (Fair Use Statement)

Você quer compartilhar os dados com seus leitores, seguidores ou amigos? Você pode usar todas as imagens e dados com objetivo não comercial, com a condição de indicar o autor da pesquisa (Picodi.com) e com o link para esta página.

Você quer saber mais?

Você quer saber mais? Se você é jornalista ou blogueiro e está procurando informações sobre a Black Friday, podemos compartilhar com você ainda mais dados. Tanto estatísticas internas quanto as expectativas para o ano 2017. Basta entrar em contato com contact.brazil@picodi.com.

 


Black Friday 2016

A Ação de Graças normalmente é um feriado comemorado nos Estados Unidos, porém o dia seguinte acabou se tornando um fenômeno internacional. Antigamente, a última sexta-feira do mês de novembro era uma ocasião informal de um feriado extra que os trabalhadores tiravam antes da loucura de compras para o Natal começasse. Hoje, chamada de Black Friday é um dos dias de compras mais intensos no mundo inteiro.

A popularidade global da Black Friday ou Sexta-Feira Negra foi alcançada em grande parte graças ao comércio online. A verdade é que os brasileiros e muitas outras nações não podem contar com um dia livre no trabalho para caçar os descontos em lojas físicas como fazem os americanos, mas graças a internet têm chance de aproveitar oportunidades para economizar onde quer que estejam. Sendo peritos em descontos, temos consciência do impacto que a Black Friday tem e queremos compartilhar com vocês a nossa experiência de como as pessoas em vários lugares do mundo fazem as suas compras.

Baseando-nos em dados internos referentes à visitas e transações comerciais, preparamos um relatório sobre como os consumidores de todo o mundo procuram as melhores ofertas e descontos durante a Black Friday. As nossas análises mostram um aumento brusco de vendas no dia da ação, quais são os países que economizam mais e quais são os produtos mais procurados. Mais à frente, descreveremos quais são as diferenças entre a loucura de compras nos mercados estrangeiros e no nosso mercado nacional.

Loucura Global de Compras

Aumtento de visitas na Black Friday

O entusiasmo da Black Friday é tão intenso que não cabe num dia só – portanto a loucura de descontos continua até a Cyber Monday, que é um tipo de prorrogação da ação que todos os fãs de compras aproveitam para comprar online. Para demonstrar em números o enorme aumento das compras em ambas as datas, comparamos as transações comerciais de novembro de 2016 com as vendas do mês anterior. Em geral, reparamos que o número de visitas na nossa página triplicou e alcançou 19,3 milhões, considerando todos os mercados. Todos os países registraram um aumento de atividade dos usuários inspirados pela Black Friday, mas em alguns mercados todo o mês de novembro foi marcado por um interesse extraordinário em compras. O número de visitas na versão finlandesa do nosso site aumentou em mais de 500% comparativamente com os dados de outubro, enquanto Grécia e Portugal registraram um aumento de visitas em mais de 450%.

Entretanto, segundo nossos dados. parece que o país que mais entrou na loucura de compras online foi a África de Sul, onde em novembro as visitas na nossa página aumentaram aproximadamente 936%. Esse número extraordinário pode refletir o crescente interesse dos usuários da África de Sul em lojas internacionais, já que 43% dos usuários compraram produtos importados pela internet. Surpreendentemente, nos países onde os cidadãos têm acesso limitado à internet o interesse pelos descontos online em novembro aumentou de maneira significativa. Um exemplo disso, é o Paquistão onde o crescimento na versão nacional do Picodi foi de 338%, apesar de apenas 15% de cidadãos do país terem acesso regular à internet.

Dia dos descontos

Aumento de vendas

Levando em conta o aumento de tráfego no site em novembro, não devemos ficar surpresos pelo impressionante número de vendas na Black Friday. Em comparação, com o número médio de transações em outros dias regulares do ano, na Black Friday os cidadãos da África de Sul fizeram 16226% mais compras através do nosso site. Esse percentual é duas vezes maior do que em qualquer outro mercado. A Grécia registrou um aumento de 7293% em comparação com a média, enquanto as transações no Paquistão, México e Nigéria aumentaram em entre 3000 e 4400%.

Vale a pena ressaltar que os aumentos na Black Friday não foram tão superlativos em alguns dos países mais ricos do mundo, como Alemanha e Reino Unido. Apesar dos resultados deste festival de compras serem inquestionáveis, alguns relatórios indicam que o entusiasmo relacionado com a Black Friday na Europa Ocidental pode ter diminuído. Seja verdade ou não, outras partes do continente continuam apresentando um grande potencial que pode ser confirmado pelo aumento de 700% das transações na Finlândia.

Descontos de verdade

Economia da Black Friday

Embora os nossos usuários possam encontrar descontos no Picodi em qualquer dia, fazer compras na Black Friday garantiu uma economia ainda maior. Traduzindo em números o total da economia feita durante este dia atingiu o valor de 29 937 402 € (R$ 108 233 557), enquanto um usuário economizou em média 62,41€ (R$226) . A economia parece ainda mais significativa comparando com o valor médio gasto por um usuário, ou seja 80,79€ (R$ 311). Este valor é previsivelmente maior do que o valor gasto por um usuário num dia normal (62,72 € (R$227)), porém significa também que a economia média foi de mais de 77% do valor que um usuário pagou pelas suas compras na Black Friday.

Além disso, o valor médio da economia adquire um significado especial quando é convertido para as moedas locais dos usuários dos países onde verificamos um aumento de visitas e atividade comercial durante a Black Friday.

Todo o sucesso foi o mérito de mais de 3200 ofertas especiais disponíveis no nosso site na Black Friday 2016. Para 2017, as nossas expectativas são de reunir por volta das 5000 ofertas únicas, o que ajudará os nossos usuários a economizarem ainda mais.

Sexta-Feira de Compras

O que as pessoas compram

Os nossos dados apontam que a grande maioria dos consumidores aproveitam mais descontos em moda. Apesar de na Black Friday muitos dos maiores anunciantes promoverem descontos em eletrônicos, esta categoria se encontra em segundo lugar na lista das categorias mais procuradas. Esta tendência talvez seja uma consequência do número limitado de lojas físicas de algumas marcas de moda no mundo. Por exemplo, a Gap tem apenas 12 lojas franqueadas em todo o continente africano.

Curiosamente, num mundo em que uma parte significativa dos textos que lemos serem digitais, livros foi a terceira categoria mais vendida durante a ação. As ofertas de restaurantes e sites que oferecem serviços de entrega de comida à domicílio também foram uma das categorias mais aproveitadas na Black Friday.

As marcas mais populares na Black Friday

Onde as pessoas compram

Embora a Black Friday seja um evento internacional, são as empresas americanas que dominam a lista das marcas mais populares neste dia. A Amazon foi a número 1 tanto na Espanha, como no México, e a Nike ultrapassou a concorrência na Alemanha e em Portugal. Ultimamente, esta marca esportiva tem apostado em vendas globais, para compensar as quedas financeiras no seu mercado nacional.

Em outras regiões, foram as marcas locais que dominaram a Black Friday. O gigante de vendas online asiático Lazada, foi provavelmente a marca mais popular ficando em primeiro lugar no Vietnã, Tailândia, Filipinas e Indonésia. Outras lojas locais que foram populares entre os consumidores são a Falabella no Peru e Chile e a Lamoda na Rússia e Bielorrússia. O potencial de vendas da Black Friday é grande demais para que possa ser ignorado, onde quer que seja.

Black Friday no Brasil

Black Friday no Brasil

O Brasil tem orgulho em ser um dos países com resultados mais impressionante na Black Friday. Neste dia nosso site registrou um aumento de 39% nas visitas, com um alto impacto no número das transações que foi três vezes maior (aumento de 835%) comparando com um dia normal. Em média, os consumidores brasileiros na Black Friday economizaram R$ 620 comparativamente com o valor médio de R$ 472 economizado durante os outros dias do ano. Os descontos médios no Brasil foram de 56% na Black Friday contra 42% fora da época promocional. Esses números servem de base para o enorme valor de R$ 41 659 740 economizado no total pelos usuários do Picodi no país, o que demonstra o extraordinário interesse dos brasileiros na maior ação promocional do ano.

Números na Black Friday

  • Na Black Friday 2016 o nosso site teve 3.656.805 visualizações. Estimamos um aumento no ano 2017 para até 4.708.276 visualizações;
  • Em novembro de 2016 o número de visualizações aumentou 57,51% e de sessões 53,35% comparando com outubro de 2016;
  • A previsão de número de usuários irão visitar o Picodi na Black Friday é de 1,2 milhões;
  • Na Black Friday do ano passado o valor médio dos pedidos foi 80,79 €. Isto significa um aumento de valor médio do ano inteiro que é 62,72 €;
  • Usuários economizaram realmente muito no dia da Black Friday do ano passado – o valor médio de desconto foi 62,41 €. É uma economia significativa comparando com a de um dia comum que é 40,95 €;
  • No ano 2016 o valor médio de desconto da Black Friday foi 53%, enquanto nos outros dias os usuários puderam economizar 43%;
  • No total os usuários economizaram juntos 29.937.402 € na Black Friday do ano passado.

Sua oportunidade para uma Black Friday ideal

A nossa análise demonstra um aumento global da atividade comercial na Black Friday, mas vale a pena realçar também o aspecto pessoal do evento. Onde quer que você more, aproveitar esta ação de maneira mais inteligente, ajuda você a economizar muito dinheiro – não importa o produto que você procure. A possibilidade de encontrar um desconto real é algo que qualquer pessoa de qualquer país do mundo vai apreciar. Portanto, quando a Black Friday 2017 chegar, prepare-se para fazer muitos cliques e saiba que junto com você vai haver milhares de consumidores no mundo inteiro com vontade de aproveitar o maior saldão do mundo.

Deixe o Picodi te acompanhar nessa viagem pelo mundo das ofertas fantásticas e descontos exclusivos nas marcas que você mais ama. A Black Friday é um sinônimo de preços reduzidos para todos os consumidores, porém são os descontos e promoções no Picodi que irão garantir a você a satisfação de encontrar a oferta mais completa, transparente e vantajosa.

Metodologia

Para a elaboração deste relatório analisamos os nossos dados internos sobre tráfego e transações comerciais de outubro com foco especial na Black Friday. Esses dados abrangem todos os países onde o Picodi está em atividade oferecendo descontos aos seus usuários.

Política de uso aceitável (Fair Use Statement)

Você quer compartilhar os dados com seus leitores, seguidores ou amigos? Você pode usar todas as imagens e dados com objetivo não comercial, com a condição de indicar o autor da pesquisa (Picodi.com) e com o link para esta página.

Você quer saber mais?

Você quer saber mais? Se você é jornalista ou blogueiro e está procurando informações sobre a Black Friday, podemos compartilhar com você ainda mais dados. Tanto estatísticas internas quanto as expectativas para o ano 2017. Basta entrar em contato com contact.brazil@picodi.com.